13/03/2013 - 17h30min

ALLE promove atividade interativa sobre efeitos do crack no cérebro durante a 18ª Semana Internacional do Cérebro

No próximo domingo, 17 de março, quem passar pelo no Brique da Redenção durante a tarde poderá participar de uma atividade interativa sobre os efeitos do crack no cérebro. A ação, realizada pela ALLE, empresa incubada na Incubadora Raiar da PUCRS, integra a programação da 18ª Semana Internacional do Cérebro (de 11 a 17 de março de 2013), promovida pela Dana Alliance for Brain Initiatives e a European Dana Alliance for the Brain e organizada pela Sociedade Brasileira de Neurociências. “Mostraremos por meio de uma maquete a diferença entre o funcionamento dos neurônios em estado normal, sem droga, e com a droga. Também teremos um manequim para mostrar os efeitos da substância em todo o corpo”, explica Alice Viana, sócia da empresa.

Os visitantes ainda terão acesso a painéis com informações detalhadas sobre a composição da droga, estatísticas relacionadas ao uso do crack, mecanismos de dependência e como a substância pode levar à morte. “Alem disso, por ser um tema que infelizmente afeta muitas famílias, contaremos com a participação de integrantes da Cruz Vermelha para falar sobre tratamentos”, acrescenta Alice.

Até domingo, diversos países realizarão atividades para aproximar o público de conhecimentos científicos sobre o cérebro. O evento ocorre desde 2010, na II Semana Nacional do Cérebro. Para conferir as ações promovidas na capital, acessando o site do evento .

Sobre a ALLE:

A ALLE atua no setor de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação de produtos voltados à saúde humana, prestando serviços de testes pré-clínicos e consultoria na área de transferência de tecnologia para a indústria farmacêutica. A empresa busca atender à crescente necessidade desse segmento, que, cada vez mais, terceiriza etapas do desenvolvimento de medicamentos com o objetivo de reduzir custos e tempo investido em novos produtos. Os testes serão realizados por meio de plataformas de testes focadas em três atividades farmacológicas principais: antinflamatória, analgésica, e ação sobre o sistema nervoso central, além de estudos de farmacocinética.